Meu nome é Valéria Pellon. Minha vida com meu marido Leonardo foi atropelada por uma grande injustiça: em 11 de janeiro de 2007, Felipe, nosso anjinho tão esperado, nasceu em um dos melhores hospitais do Rio de Janeiro e, em função de negligência médica, sofreu lesões cerebrais irreversíveis durante o parto, em decorrência de asfixia. Após 5 meses internado na UTI veio pra casa com "home-care", como viveu até 11 de novembro de 2010, em estado vegetativo. Este blog é uma forma de "gritar" o nosso sofrimento e mostrar como o amor salva nossas vidas e nos faz sobreviver, a cada dia.



domingo, 8 de agosto de 2010

Papai



Hoje é o seu dia, papai. Como todos os dias, você me deu aquele "bom-dia" espetado, de barba por fazer de fim-de-semana, que mamãe briga porque me deixa todo "empelotado", mas que me deixa suspirando de tanta paixão. Conheço o seu cheiro de papai, sua pele de papai, sua presença de papai, sua lambida de papai...é...porque você também tem essa mania estranha de lamber meu rosto que nem cachorrinho, é estranho...mas o mais estranho é que eu adoro ! Eu sei que você é o meu papai e como eu gosto de saber isso !

Você é aquele cara que aprendeu absolutamente tudo desses aparelhinhos que eu uso para respirar e tudo o mais, e não deixa que nada de ruim aconteça com eles, para nada acontecer comigo. Você aprendeu tudo e hoje ensina para todo mundo, as pessoas que não te conhecem até perguntam se você é médico...E eu fico todo bobo porque você sempre responde: "não, eu sou PAI DO FELIPE !". É legal isso ! É você que me dá a segurança de que tudo vai funcionar bem até mesmo quando acaba a luz e a mamãe fica nervosa. Lembra no apagão, que a mamãe tava viajando ? Ela nem enlouqueceu tanto porque sabia que você estava do meu lado o tempo todo.

Ah ! É você também que traz meu último leitinho toda noite, sempre seguido de uns beijos muito ásperos mas muito aconchegantes. E também nos fins de semana deita comigo na minha cama e dorme de roncar ! Papai, lembrei também daquele dia que você chegou de viagem e meu coração acelerou tanto que chegou a disparar o alarme do monitor cardíaco. Ficou todo mundo assustado. Mas é isso, papai...eu não sei de muita coisa não, mas o que eu sinto quando você está por perto me faz te garantir que você é o melhor pai que eu poderia ter. E tenho certeza que o Lucas também sente o mesmo.

Te amo papai, você é o MELHOR PAI DO MUNDO.

Felipe


10 comentários:

  1. Vocês três são maravilhosos!
    Feliz dia dos pais para os três... porque os três são um e seu amor sempre vai inspirar os outros a amar!
    Beijos do amigo e admirador,
    Guilherme

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Leonardo!! Muito bonito ver um pai tão carinhoso e dedicado! Muitos beijos meus e da Gigi pra você, para o Felipe e para Valéria.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Leo pelo dia dos pais!!! Você é um super Paizão!!! Tenho muito orgulho de você, primo!
    Posso roubar um cantinho do seu bilhetinho de parabéns para dar os parábens para minha amiga Valéria por mais um lindo texto? Puxa, amiga, hoje lendo esse texto tive certeza que além dos suspiros, o Felipe tem outra forma muito clara de comunicação...ele fala através de você.
    Beijos para os tres, Adriana

    ResponderExcluir
  4. Feliz dia dos pais PAI DO FELIPE!

    ResponderExcluir
  5. Ao super-pai do Felipe espero que tenha sido um feliz dia dos pais.Bj grande pra Valéria que tem uma sensibilidade fora do comum.e aquele super bj pro Felipão.Tia Gizélia

    ResponderExcluir
  6. Caramba, que surpresa boa! Só li o post pela manhã no táxi, e quase tive que dar explicações ao taxista que viu minha cara de idiota pelo retrovisor. Me emocionei muito com as "palavras do meu anjo". Meus filhos são a razão da minha vida, do meu respirar e acordar todas as manhãs. Cada um do seu jeitinho (na verdade, o Lucas já tem jeitão), me dá um orgulho do tamanho do universo.
    Valéria, como a Adriana disse, o Felipe realmente fala através de você. Tenho certeza absoluta que esses são os sentimentos dele, e é isso que me mantém firme no meu caminho.
    Obrigado a todos pela lembrança no dia dos pais! E um obrigado especial à mãe do meu anjinho. AMO VOCÊ!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Maravilhoso o relato do Felipe. Não podia ser mais verdadeiro. Lembro e conto para as pessoas uma cena inesquecível. Pouco depois do Lucas nascer, não sei porque (mas tbem não importa), fui ajudar o Leo a dar banho no Lucas. Bom, a coisa ficou complicada, e resolvemos os três tomar banho, já que a gente ia se molhar muito. Leo me disse uma das coisas mais bonitas e verdadeiras que já ouvi: “Você pode ser e fazer tudo na vida, mas se não for pai pelo menos uma vez, sua estadia aqui será perto do inútil”. Segui suas sábias palavras e não demorou muito para eu ser pai.

    Amo vcs

    ResponderExcluir
  8. Que lindo, que lindo, que lindo! espero que meu maridinho seja tão bom pai para o meu Heitor quanto o pai do Felipe! Parabéns pela união entre vcs!!!

    www.devaneioslunares.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Essa carta foi uma das mensagens mais lindas que já li. Se eu já te admirava, agora vc se tornou minha "ídala". Meu respeito e admiração aumentaram demais. Que Deus esteja sempre abençoando sua família e os anjos te guardando. Parabéns pela pessoa que vc é!
    Vc é uma pessoa única, especial e admirada !
    Seu blog me fez ser uma pessoa melhor.
    Te gosto muito e te desejo muito mais amor! Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Leo,
    Você na verdade é um bocado de carinho que se materializou e virou gente. Você com seu sorriso encantador que entra na alma da gente, o melhor amigo e marido que eu poderia sonhar para minha tão querida amiga, um paizão que sabe tudo de tudo. Se você não existisse tinha que ser inventado, tá? Ainda bem que esse carinho em forma de gente é tão grande que dá para a Valéria, pro Lucas, pro Felipe-Ursinho, para os parentes todos e ainda sobra muito para nós!!
    Feliz Dia dos Pais (atrasado!)!!!! Beijos!
    Márcia Dabul

    ResponderExcluir