Meu nome é Valéria Pellon. Minha vida com meu marido Leonardo foi atropelada por uma grande injustiça: em 11 de janeiro de 2007, Felipe, nosso anjinho tão esperado, nasceu em um dos melhores hospitais do Rio de Janeiro e, em função de negligência médica, sofreu lesões cerebrais irreversíveis durante o parto, em decorrência de asfixia. Após 5 meses internado na UTI veio pra casa com "home-care", como viveu até 11 de novembro de 2010, em estado vegetativo. Este blog é uma forma de "gritar" o nosso sofrimento e mostrar como o amor salva nossas vidas e nos faz sobreviver, a cada dia.



quinta-feira, 20 de maio de 2010

Felipe e mamãe nas nuvens...

Eu tenho feito com mais disciplina as respirações que aprendi na Arte de Viver nesses últimos dias, agora que as coisas estão mais calmas com o Felipe. Faço em casa, e também tenho ido uma vez por semana na Arte de Viver fazer em grupo, que é uma repiração mais longa e cujos efeitos para mim são mais fortes, eu consigo meditar mais profundamente.

Na segunda-feira foi um desses dias que fui lá. Eu sempre fico na dúvida se estou meditando ou se estou dormindo, mas acho que estou sim meditando, minha mente fica leve, quase sempre vazia, meu corpo absolutamente paralisado mas leve, e eu me sinto muitas vezes no lugar do Felipe...é uma sensação estranha, mas não é ruim, pois eu sinto que de alguma forma estou me igualando à situação dele, que só respira, e não mexe nada...eu sempre me sinto muito próxima dele.

Mas na segunda-feira, fui surpreendida com um grande sorriso meu durante a meditação...na minha menste só passava a imagem do Felipe e eu brincando, em cima de umas nuvens bem bonitas, aquelas onde moram os anjinhos... eu com ele nos meus braços, jogando ele pra cima, brincando, e ele gargalhando com a mamãe...ele tava adorando ! Que gostosa essa sensação ! Não senti tristeza, acho que sentiria se eu estivesse numa outra situação, mas ali eu só consegui abrir um sorriso que veio de dentro do meu coração (e não aqueles que eu acostumei a colocar no meu rosto no dia-a-dia), me parecia uma mensagem dele dizendo que está tudo bem com ele...que ele está bem, em paz, e que nós dois juntinhos somos felizes e estamos em paz dentro do nosso mundinho chamado AMOR.

5 comentários:

  1. Valéria ,
    Como é bom ler isso...saber que você passou por sensações tão boas . É relaxante , traz uma certa paz só em imaginar você e o Felipe brincando e correndo entre as nuvens. Espero do fundo do coração que momentos como estes se repitam em suas meditações , em seus momentos de paz!!!Com certeza ele está bem.Esse mundinho que você carinhosamente chama de AMOR é uma das coisas mais lindas que presenciei nesses últimos tempos. Hoje lendo isso sorri sozinha...estou também sentindo paz e alegria!
    Adoro vocês, Karina.

    ResponderExcluir
  2. Você quer me matar de rir?????

    Muito lindo!

    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Nossa Valeria... eu tava passeando pelos blogs e achei o seu.. meu Deus.. que liçao de vida!
    Meditação é tudo de bom, ainda mais quando vem coisas boas na mente... maravilha! Nao pare nunca de meditar.
    Foi muito gostoso ler sobre sua experiencia com o Felipe.

    Beijinhos e fica com Deus.

    ResponderExcluir
  4. Daisy Magalhães24 de maio de 2010 19:45

    Valéria, Fico mt feliz em saber que o Felipe está mesmo melhor ! Tenho mentalizado bons fluidos para ele durante os Kryias. Também tenho me sentido cada vez melhor com a arte de viver.Aqui pela Barra todos perguntam com mt carinho por vc ! Todo carinho, Daisy

    ResponderExcluir
  5. Valéria,que situação bonita vc vivenciou.Sei que para muitas pessoas pode parecer somente fantasia mas tenho certeza que voces se comunicaram e ele tentou mostrar exatamente isso"ele esta bem,em paz e feliz ao seu lado".Espero que essas sensações se repitam com frequencia.Um grande abraço e o beijão para Felipão.Tia Gizélia

    ResponderExcluir